Opcional

Tartaruga-Oliva



Tartaruga-oliva: risco de extinção

Introdução

Também conhecida como tartaruga-comum e tartaruga-pequena, é uma espécie de tartaruga marinha de pequeno porte. Seu nome popular deve-se a cor verde oliva de sua carapaça.

Características e dados gerais da tartaruga-oliva:

Nome científico: lepidochelys olivacea

Tamanho: entre 60 cm e 70 cm (animal adulto)

Peso: entre 60 kg e 70 kg (animal adulto)

Habitat: vivem em alto mar, sendo que as fêmeas buscam a areia para a desova. Estão presentes na região entre o litoral sul e sudeste do Brasil, assim como entre o litoral da Bahia e Espírito Santo. Também estão presentes em outras regiões do planeta como, por exemplo, litoral oeste do México, litoral nordeste da América do Sul, litoral centro-oeste da África, litoral australiano e litoral sudeste da Índia.

- Alimentação: moluscos, peixes, crustáceos e plantas aquáticas.

- Risco de extinção: espécie considerada vulnerável. Entre as principais causas deste risco podemos citar: retirada de areia em áreas de desova, captura acidental por navios pesqueiros, choque com barcos, captura ilegal para comércio ilegal e ingestão de objetos jogados ao mar (lixo marinho).

- Reprodução: o período de incubação é de cerca de 42 dias. A fêmea bota entre 70 e 80 ovos, que são enterrados na areia (cerca de 40 cm de profundidade).

Classificação científica:

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Reptilia

Ordem: Testudines

Família: Cheloniidae

Gênero: Lepidochelys

Espécie: L. olivacea

Video: Tartaruga oliva Lepidochelys olivacea - Projeto Tamar (Agosto 2020).